prelúdio

levemente lentamente
e crescente
a curva se ergue devagar
o tempo transpassa devagar
e um segundo
  é muito tempo para segurar o olhar


da transmutação do tudo em nada ou do nada em tudo

quanto mais ando mais quero andar quanto mais sei mais quero saber mas quanto menos quero melhor estou quanto menos almejo ...