condensação

quando o céu está cinza
algo lá dentro se acalma
se alegra, se completa,
- se sente mais em casa.

deve ser dessa ascendência
que tende para melancolia
saudosismo, nostalgia,
alternâncias de cadências,
contemplação da beleza,
e por vezes, uma pequena e única
dose de tristeza

consequentemente chega a inspiração.

mas hoje, despertou-se algo a mais.
lá dentro, tudo isso orbita tranquilo
mesmo com essa eminência
desse corpo estranho cheio de hipóteses
de possíveis consequências.

algo que é essencialmente bom
mas que me desconcerta de tal maneira
que esbarro numa loucura derradeira,
arrebatadora, momentânea.

canso, então, dessa enorme miscelânea
e sinto falta daquele Sol que,
direcionado pelo Universo,
em meio a sentimentos diversos
me mostrou muitas coisas
deixou tudo claro
simplificou
e dispensou o uso de tantas palavras

da transmutação do tudo em nada ou do nada em tudo

quanto mais ando mais quero andar quanto mais sei mais quero saber mas quanto menos quero melhor estou quanto menos almejo ...