Sexta Feira Treze

Hoje o dia foi chamado por aquele Sol indiano
aqui nasceu esse Sol, para quê fazer planos?
Depois, a manhã se arrastou pelo cinza amarelo
presságios nostálgicos, um pensamento paralelo.
Aquele céu esquisito dos nossos pesadelos
Embaçado quente e gelado céu, desperta o medo....
De repente, azul está o céu e o luzeiro está forte
os convites da rua anunciam mais uma morte.
Aí as nuvens de paz chegam com bons ventos, ou nem tanto.

E esses dizeres repletos de superstição,
eles não vão me convencer.


da transmutação do tudo em nada ou do nada em tudo

quanto mais ando mais quero andar quanto mais sei mais quero saber mas quanto menos quero melhor estou quanto menos almejo ...